início > macieira de cambra > instituições, cultura e desporto > entidades > fundação luiz bernardo de almeida

Fundação Luiz Bernardo de Almeida

Ter, 19 Jul, 2011 (Actualizado: Ter, 1 Nov, 2011)

FLBA - Fundação Luiz Bernardo de Almeida

Esta Instituição foi criada no ano de 1957 de forma a cumprir a disposição testamentária do Comendador Luiz Bernardo de Almeida. O seu património é constituído pelos bens do seu Fundador e pelos demais valores adquiridos ao longo da sua existência. É uma Instituição estatutariamente vocacionada para "o apoio a pessoas inválidas e desvalidas de ambos os sexos" – assim o instituiu, através de testamento, Luiz Bernardo de Almeida, doando grande parte do seu património a esta Instituição, que tem estatutos aprovados desde 1957, posteriormente reformulados. Está registada na Direcção Geral de Acção Social desde 20 de Maio de 1995, sob a inscrição de n.º 13/85. É uma Instituição Colectiva e de Utilidade Pública. A Instituição começou a funcionar com Lar de Idosos no ano de 1972 e em 1985 implementou um Serviço de Apoio Domiciliário, embora tivesse celebrado acordo com a Segurança Social mais tarde. Este último serviço, na altura, foi dos primeiros a serem criados a nível Distrital.

Os objectivos iniciais da Fundação visavam prioritariamente o apoio à população idosa do concelho e limitava a sua intervenção a este grupo que, diga-se, correspondia a uma perspectiva condicionada por pressupostos que hoje em dia não mais se colocam, dada a natureza dos problemas. A pluridimensionalidade das questões sociais obrigam a que estas Instituições (IPSS) sejam cada vez mais Instituições ao serviço da família em particular e da comunidade local em geral. A intervenção das IPSS deve basear-se em princípios como a transversalidade e universalidade dos problemas sociais, independentemente do grupo etário, sexo ou situação social e cultural, e das instituições deve-se exigir uma resposta cuidada, tecnicamente responsável, multidisciplinar, e fundamentalmente baseada num trabalho estratégico de alianças, acordos ou parcerias, por forma a rentabilizarmos os meios técnicos e financeiros disponíveis.

sitemap xml